fbpx

Tráfico privilegiado

Tráfico privilegiado

A figura do TRÁFICO PRIVILEGIADO consiste na causa de diminuição de pena prevista no Art. 33, § 4º, da Lei nº 11.343/06.

Com o citado dispositivo, quis a lei beneficiar o “TRAFICANTE DE PRIMEIRA VIAGEM”, aquele que não se dedica ao crime de tráfico de drogas, exigindo, ainda, para a sua aplicação, a primariedade e bons antecedentes, além da não integração em organização criminosa.

Cumpridos os requisitos, poderá o magistrado aplicar esta causa de diminuição e reduzir a pena aplicada de um sexto a dois terços.

NA PRÁTICA, O FATO DO CRIME SER CONSIDERADO PRIVILEGIADO IMPLICA
NA PREVISÃO DE UMA PENA MENOR.

Muitas das pessoas que são condenadas à pena mínima prevista para o tráfico, de 5 anos, ao terem a aplicação desta causa de diminuição tem sua pena reduzida para menos de 4 anos.

Como prevê o Art. 44 do Código Penal, quando a pena aplicada não for maior que 4 anos e não houver VIOLÊNCIA OU GRAVE AMEAÇA, a PENA PRIVATIVA DE LIBERDADE poderá ser substituída por uma PENA RESTRITIVA DE DIREITOS.

Não é incomum a argumentação de que, o fato de o crime ser hediondo e de haver uma suposta gravidade abstrata em qualquer CRIME DE TRÁFICO, impedem que os condenados por tráfico cumpram sua pena fora dos muros da prisão.

Contudo, o STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu no HABEAS CORPUS 118.533 que TRÁFICO PRIVILEGIADO NÃO É CRIME HEDIONDO.

Ademais, é possível a substituição da pena privativa de liberdade por restritiva de direitos, já que, sob o fundamento de violação ao princípio da individualização da pena, o STF considerou inconstitucional a vedação à substituição, trazida pelo Art. 33, § 4º, da Lei nº 11.343/06, inclusive havendo a Resolução 05 do Senado suspendido a eficácia de tal trecho do artigo.

Creuza Almeida Escritório de Advocacia em Recife/PE, é especializado no DIREITO CRIMINAL E PENAL.

Equipe com ADVOGADO ESPECIALISTA EM HABEAS CORPUS, ADVOGADO ESPECIALISTA EM DEFESA DE AÇÕES PENAIS, ADVOGADO ESPECIALISTA EM PRISÕES EM FLAGRANTE, ADVOGADO ESPECIALISTA NA ÁREA CRIMINAL.

Entre em contato com Creuza Almeida Escritório de Advocacia e conte-nos a sua causa.

Creuza de Almeida Costa é titular no Creuza Almeida Escritório de Advocacia.
Formada em Direito em 2008 pela FIR – FACULDADE INTEGRADA DO RECIFE, pós graduada em Processo Penal, Direito Penal e Ciências Criminais.
Palestrante e Professora.
Vice-Presidente da ABRACRIM/PE – Associação Brasileira de Advogados Criminalistas.
Diretora Nacional de Relações Institucionais da ABCCRIM – Academia Brasileira de Ciências Criminais.
Presidente da comissão de processo penal constitucional da ABCCRIM
Coautora do livro Mulheres da Advocacia Criminal.
Premiada Mulher Evidência 2019.
Prêmio Destaque Nordeste.

Ligue
Rota
WhatsApp Fale com a Advogada!